Para pensar!


sábado, 23 de novembro de 2013

Quando a criança demora muito tempo para escrever – Bradigrafia


Relato

A professora chama a mãe na escola para falar da lentidãoda filha para escrever, e da má qualidade da letra, tendo em vista que ela já ter 10 anos; embora não veja como verdade, ela aceita ir conversar.

O que está acontecendo com meu filho?



Com as explicações da professora a mãe passa prestar mais atenção nas tarefas diárias da escola, constatando e confirmando o que a professora disse.

Para ter certeza do fato, a mãe relata que pediu a filha para escrever um bilhete para sua avó, como convite para seu aniversário.




Mas as palavras não lhe vinham à cabeça, escrevia... apagava, tentando achar uma palavra adequada e fazer uma letra legível. 
Mãe tentou a cópia, mesmo assim não obteve resultado satisfatório.

Depois de muito tempo passado, a criança só havia escrito uma frase, mesmo assim com palavras que não tinham significado ao assunto do bilhete e com disgrafia (letra mal traçada) a qual quase não se entendia. 



Ela conta que foi se irritando até perder a paciência de vez.

E sentindo culpa por não saber lidar com a situação, muito menos entender, justificava:

“Ela quer escrever o bilhete e bem, mas leva tanto tempo”...(SIC)

A ansiedade cresce, com isto as palavras não aparecem e a frustração de estar perdendo tempo tentando, a leva a chorar e desistir, embora a mãe não deixe.
É uma tarefa relativamente fácil e ela luta para vencer.

A criança e a mãe começam questionar sua inteligência e capacidade. 
A frustração e a tensão crescem enquanto a criança percebe que está perdendo outras atividades, ver TV, brincar com os amigos por exemplo, devido a demora para concluir a tarefa ficando aborrecida.

Atitude: Brigas, agressões um descontentamento geral  X Sentimento: Frustração.

São atitudes que devem ser analisadas por profissional especializado, o fonoaudiólogo ou psicopedagogo, pois com a reeducação ocorre a facilitação, favorecendo o término de todo este sofrimento.

Tanto a mãe como a criança precisam de ajuda.

Fonoaudióloga



2 comentários:

  1. Me vi nessa situação meu filho tem 09 anos e eu passo por isso me ajude por favor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom dia Suzilane,
      Não sei o que você quer saber exatamente.
      Neste mês de Dezembro estou dando Orientação e Consultoria gratutíta.Por a demora em responder.
      Dado o movimento, peço que me envie um e mail marcando um horário para conversarmos.

      Excluir

Obrigada pelo comentário!

Abraços, Silvia Garcia

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Last Works